sábado, 28 de maio de 2011

…há coisas que me ultrapassam!

 

image

Hipótese A

Vais ao supermercado e compras diversas coisas, entre elas duas embalagens de carne. Mania ou não, verifico sempre os prazos de validade da maioria dos produtos que têm uma validade menor. Eis que chego a casa e guardo as compritas, mal esperava eu pela Hipótese B.

Hipótese B

Esparguete à Bolonhesa. Era esta a ementa para cozinhar e, portanto, comecei a fazer o refogado, a preparar tudo e cheguei à parte de introduzir a carne. Estava estragada! Mas aquele estragado que nem dá para enganar, cheirava mesmo mal! Ou seja, fiquei sem carne para cozinhar e com a refeição a meio!

Hipótese C

Decidi que devia devolver a carne e alertar o estabelecimento que as outras carnes também poderiam estar estragadas apesar de dentro do prazo de validade. Qual não é a minha cara estúpida de espanto quando a chefe da loja me diz exactamente com estas palavras: Ah isso é normal, quer que vá buscar outras duas embalagens? Oh meus queridos, normal!? O meu conceito de normal não é propriamente comprar carne estragada, mas….. tudo bem, sou eu que devo ser esquisita!

6 comentários:

Ganas de Viver disse...

Provavelmente não era portuguesa :)
Viste de tinha o "560" no código de barras? :)


Bjs

Imagina... disse...

Provavelmente tens razão, mas sinceramente não tenho a certeza. Mas olha que agora me deixaste curiosa, vou confirmar!
Beijinho**

Manuela disse...

Querida Imagina, normal?? Haver carne estragada à venda é normal? Estou completamente desactualizada...

Imagina... disse...

Essa foi exactamente a minha cara Manuela. Ainda me pergunta se quero levar outras duas! Nem que mas oferecessem, não é? Não acho minimamente normal. Nem acho normal que digam isso com tanta naturalidade.**

Farruskinha disse...

Normal? Carne estragada? Fazia logo uma reclamação.

Imagina... disse...

Já não podemos confiar em nada! Fiquei tão apalermada que nem me lembrei disso! Que ridículo, não é?
**