quarta-feira, 1 de junho de 2011

…é Dia Mundial da Criança!…

 

image

Um maravilhoso dia da criança para todas as crianças deste mundo!

Não poderia deixar passar este dia em branco. Já imaginaram um mundo sem crianças? Eu acho que não consigo imaginar, mas acho que devia ser qualquer coisa fria, sem cor e alegria.

Portanto…

…a todas as crianças: Divirtam-se | Brinquem | Não tenham vergonha de serem crianças | Corram | Esfolem os joelhos | Encham-se de areia | Sujem as roupas de tintas, de terra, de relva e do que aparecer mais | Joguem à bola mesmo que não saibam como se faz | Joguem à macaca | Joguem ao caracol | Joguem ao berlinde | Brinquem com os irmãos | Refilem com os irmãos | Façam partidas aos irmãos | Sejam… crianças! |

…a todos os pais: Deixem que as crianças se divirtam e divirtam-se com elas | Brinquem com os vossos filhos, na rua, no jardim, no parque, em casa, sem terem vergonha das figuras que possam fazer (mesmo que isso implique chamar por uma caixa de cereais em pleno hipermercado – e não, não estou a gozar, perguntem ao meu paizinho que ele diz como se faz, é só achar que a caixa nos vai realmente responder) | Digam Vá isso não é nada quando os vossos filhos esfolam os joelhos em vez de Vês eu avisei-te, devias ter ficado sossegado | Fechem os olhos quando virem os vossos filhos e eles parecerem ter vindo da guerra tal é a camada de sujidade que têm em cima, sorriam e pensem que se estão assim, é porque brincaram até à exaustão e têm capacidade para o fazer! | Ensinem-lhes jogos que eles hoje em dia já nem sabem e joguem com eles | Não afastem os vossos filhos um dos outros só porque se zangam ou se magoam sempre que estão juntos. Faz parte! Eu pus o meu irmão na máquina de lavar e hoje é um homem feito!… e limpinho! =p |

Fora o testamento, digam-me:

Uma criança é criança se não fizer isto tudo e tantas outras coisas?

10 comentários:

Su disse...

Até poderá ser...mas não será uma criança tão feliz quanto a que faz tudo isso e muito mais. Ser criança é experimentar a vida! Saudades do meu tempo de criança!

Imagina... disse...

Muitas saudades...Saudades também de ouvir uma criança dizer que aquilo que mais gosta de fazer em casa é brincar com os brinquedos dela e não jogar um jogo XPTO ou ver televisão.
Não sou contra as tecnologias, nem me encarem como tal, só acho que deviam existir limites para este tema.
Beijinho**

Manuela disse...

Querida Imagina, este teu post, está só o melhor post que li hoje, sobre o dia da criança! Parabéns :)

Imagina... disse...

Oh Manuela, que querida, obrigada pelo seu carinho.
Um grande beijinho**

Anónimo disse...

GOLDEN GRAHAAAAAMMMSSSSS!!!!
:)

Divertimo-nos "bué", aproveitámos cada momento até à exaustão :) Foi óptimo ser um autêntico "puto" quando vocês nasceram, por vezes era difícil perceber (sem ser pelo tamanho) quem era a criança!


LY

Imagina... disse...

Chamavas aqueles cereais como se não houvesse amanhã, ou melhor, como se achasses mesmo que ias ouvir "estou aqui!" LOL
Olha que dava uma bela publicidade à marca! =p

Bons momentos. Muitos e muito bons. Não os esquecerei nunca. Isso e nunca dizer-te: "Não eras capaz de fazer isso". Porque tu eras sempre!

Obrigada por teres sido (seres) tão ou mais (e acredito mais neste) criança que eu.

Beijo grandíssimo.
LY

Ganas de Viver disse...

Muita força para essa criançada toda!

Está tudo aí, a força e o "ser criança"


Bjs

Nita disse...

Eu sempre quis ter 3 filhos e afinal tinha, os filhos e o pai que era por vezes pior que eles, eu também tenho saudades desse tempo:-)

Karina sem acento disse...

Ohh, eu fiz isso tudo quando era criança - a minha mãe passava-se comigo porque vinha todos os dias com os sapatos cheios de areia! Mas hoje em dia os putos só querem playstations e facebooks. E é tão bom brincar na rua, correr, saltar, imaginar...

Imagina... disse...

GdV, acho que só precisam de um empurrãozinho! **

Nitinha, lado positivo: dois partos, 3 filhos! Sem gémeos! Hein, não fazes outra! =p Também tenho saudades... Beijo grande minha querida.

Karina, por isso é que eu acho que isto também passa muito pelos pais. Não podemos só fazer queixas das crianças que hoje em dia já não "brincam" no verdadeiro sentido da palavra.
Se não o fazem, é porque não sabem, se não sabem é porque ninguém lhes ensinou, ensinar a brincar parte essencialmente dos pais, porque como o GdV diz "o ser criança está lá!".
Beijinho**